CARAVAGGIO [1986] – Atualizado

Caravaggio

Direção: Derek Jarman
Roteiro: Nicholas Ward Jackson (história), Derek Jarman, Suso Cecchi d’Amico
Gênero : Drama, Históricos
Origem: Reino Unido
Duração: 93 minutos
Qualidade : DVDRip
Legendas: PT-BR

Link do Torrent: https://kickass.to/caravaggio-1986-derek-jarman-t3200426.html

Link da Legenda: http://www.legendasbrasil.org/legendas-caravaggio-0-all-1.htm

Sinopse:
Michelangelo Merisi da Caravaggio (Nigel Terry), foi o garoto da Renascença Italiana. Tendo sua história contada em “flashbacks”, o artista recorda fatos de sua curta existência na terra e nos mostra sua infância, as decepções do início de sua carreira, seus últimos sucessos, sua amizade com um cardeal e sua relação destrutiva com um jogador muito atraente.

Anúncios

8 comentários em “CARAVAGGIO [1986] – Atualizado

  1. É raro ver filmes sobre artistas que sigam a estética e os temas da arte realizada por ele. O mais interessante caso seria tratar da vida de um pintor usando imagens aproximadas de suas telas. Um filme sobre Van Gogh que usasse os tons expressionistas e modelasse a imagem de acordo com as pinceladas grossas do artista (isso é fácil para a tecnologia do cinema) me parece bem mais interessante do que simplesmente um filme sobre o indivíduo Van Gogh, como se fosse uma biografia. (Biografia, em literatura, não é arte, embora Virginia Woolf tenha aproximado os dois em Orlando, e, assim, problematizado a questão.)

    Um filme que se aproxima desse ideal de usar a estética do artista em uma obra sobre ele é Caravaggio, de Derek Jarman. O filme não só reproduz as imagens barrocas dos quadros de Caravaggio como usa o jogo de luz e sombra, e as antíteses do artista, para compor as cenas. A própria trama do filme é um equilíbrio entre o belo e o feio, o rico e o pobre, o gênio e o louco, o religioso e o profano, preservando os temas de cunho barroco.

    As figuras conhecidas dos oitenta e poucos quadros de Caravaggio também aparecem, não só nas montagens que servem como modelo para o artista quando ele vai pintar, mas na própria diegese do filme. O Baco doente aparece no rosto do próprio Caravaggio, esverdeado como o rosto do deus grego.

    A figura do anjo, tão comum em seus quadros, aparece figurando no próprio filme.

    Nesses clipes é possível perceber como o filme imita os quadros de Caravaggio, não só ao recriá-los com atores, mas também nas cenas em que não há modelos posando para serem pintados.

    É uma pena que só se faça filmes sobre pintores – Van Gogh, Picasso, Modigliani, Frida, Basquiat, Pollock – sem usar o estilo do artista para compor as cenas e os enquadramentos.

    crítica: Debarte
    http://debarte.blogspot.com/2007/06/filmes-sobre-pintores-caravaggio.html

    Curtir

  2. caravaggio foi um pintor extraodirnario… alias o quadros como dionisio e as sete obras de misericordia… sao classicos absolutos da historia da arte.

    Curtir

  3. Caravaggio 1986 – faz parte da coleção do livro 1001 Filmes Para Ver Antes de Morrer (1001 Movies You Must See Before You Die), pena que o link único do megaupload está off e o link p/ legenda tb off.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s